Notícias

Adutora emergencial galvanizada e unida por Acoplamentos: Solução viável para crises hídricas

Situações de crise, com escassez de recursos tanto naturais quanto financeiros, motiva-nos a sugerir e implementar soluções coerentes à realidade momentânea. Exemplo disso está neste nosso case, onde descrevemos fornecimentos ao Nordeste de tubos de aço carbono, galvanizados e unidos pelos acoplamentos K, detalhando todas as vantagens na implementação deste tipo de tubulação.

Este nosso Estudo concorreu no Prêmio Brasil Galvanizado em 2017.

Descrição do Projeto

Sabe-se que a seca do Nordeste é um problema que se estende há décadas e gera inúmeras deficiências socioambientais, trazendo um baixo IDH e sofrimento às famílias que vivem nestas condições, além de desenvolvimento nulo da região afetada.
Oferecer soluções duráveis, rápidas e com custo/benefício vantajoso – como as adutoras emergenciais galvanizadas – ultrapassa uma simples relação comercial entre compra e venda de produtos. Entra a questão social e humanitária, ao saber que por causa destas tubulações, pessoas são salvas da sede e da fome, podendo viver com maior dignidade.

Adutoras galvanizadas são comumente utilizadas em projetos de irrigação ou para transporte de águas pluviais em viadutos, indústrias e edifícios. No entanto, esta aplicação em tubulações emergenciais que suprem a crise hídrica brasileira se tornou fato inédito e de sucesso nos anos atuais.

O caso abaixo aborda recentes fornecimentos da Alvenius ao Nordeste Brasileiro, cujas entregas foram adutoras aéreas de tubos em aço carbono com costura helicoidal, galvanizados a fogo e unidos por acoplamentos mecânicos.

As dimensões dos tubos variaram nos diâmetros de 419mm, 521mm e 622mm com espessuras de 3,00mm, 3,00mm e 4,75mm respectivamente. Segundo a Norma ABNT-NBR 6323, a camada média da galvanização foi de 70µm.

A escolha do sistema de tubos galvanizados e unidos por acoplamentos se deu pela série de benefícios técnicos, operacionais e econômicos que ele proporciona, uma vez que durabilidade, resistência mecânica, facilidade na montagem, agilidade na entrega e baixo custo de aquisição e manutenção foram pontos essenciais para que o projeto tivesse êxito.

Galvanização no Projeto

Neste projeto, 100% das tubulações de aço foram galvanizadas através do processo de imersão a quente, onde o fato da peça ser revestida interna e externamente trouxe benefícios essenciais para sua vida útil, pois proporciona proteção tanto do fluido, quando do ambiente.

A escolha da galvanização considerou os seguintes pontos:

  • Resistência ao ambiente externo: Tais tubulações galvanizadas estão em ambientes desabrigados e em meio a atmosferas rurais, onde sua taxa de corrosão é normalmente linear com o tempo de exposição. Considerando o fato de que a região instalada tem um baixo índice pluviométrico, pode-se concluir que a curva de corrosão externa é menos acentuada nos primeiros estágios do contato que regiões onde chove com mais frequência.
    Estudos comprovam que a velocidade de corrosão atmosférica do zinco em atmosferas rurais pode resultar em uma durabilidade de 35 a 350 anos, considerando uma camada de 70µm.(2 a 0,2 µm/ano). No entanto, para esta aplicação, foi projetada uma vida útil de 25 anos da galvanização em virtude da camada (µm) do revestimento e do fluido transportado.
  • Resistência ao fluido transportado: questão extremamente importante quando se trata de tubulações é adequar o revestimento ao tipo de fluido transportado, para que a operação do equipamento permaneça de forma plena pelo período previsto. No caso das adutoras emergenciais galvanizadas, estudos demonstraram que a galvanização resiste perfeitamente a composição química da água existente nas fontes locais.
  • Dados indicaram que os pH das águas transportadas pelas adutoras variaram entre 6 a 10, e como a abrasividade do fluido não é considerada agressiva, concluiu-se que a galvanização suportaria o trabalho demandado.
  • Durabilidade: A expectativa de vida de tubulações galvanizadas perdura por décadas, desde que para este projeto sejam mantidas as composições químicas do fluido transportado e a atmosfera rural.
  • Velocidade de aplicação: Por ser “emergencial”, o próprio nome já conota o teor de rapidez com que a solução precisa ser adotada. Como o processo de galvanização ocorre em minutos e sem depender de condições climáticas, a instalação final da tubulação é agilizada substancialmente.
  • Custo/Benefício: A galvanização a fogo possui custos competitivos se comparados a outras modalidades de revestimento, pois adota matérias primas em larga escala e processo produtivo enxuto. O transporte até o canteiro de obras dos tubos galvanizados não requer expensas adicionais, eliminando a necessidade de correções em campo. O fato de proporcionar durabilidade, proteção e vida útil expressiva faz da galvanização o melhor custo/benefício ao longo do tempo.
  • Custo menor de manutenção: Mesmo que a galvanização, em alguns casos, tenha um valor superior a outras alternativas de revestimento para transporte de fluidos, seu custo de manutenção ao longo do tempo é baixo e isso se acentua positivamente à medida em que estas adutoras emergenciais no Nordeste localizam-se em áreas afastadas.
  • Preservação ambiental: Por percorrer quilômetros de regiões não habitadas, em meio a natureza e, em alguns casos, cruzando Áreas de Preservação Permanente, o revestimento não pode possuir substâncias voláteis, tóxicas ou que de alguma forma prejudicam o meio ambiente. Característica esta que a galvanização não possui, sendo apropriada para o uso em questão.

Especificidades do Projeto

Além dos fatos mencionados no item anterior, outras questões são significativamente relevantes de destacar quando se soma o tubo galvanizado à união por acoplamentos mecânicos que seguem a norma AWWA C-606.

Proteção do revestimento: como a união neste sistema ocorre sem o uso de solda, o processo é totalmente simples e limpo de realizar. Sendo esta uma questão fundamental para que a integridade do revestimento seja mantida, não necessitando métodos especiais ou correções em campo (que se localiza em regiões remotas e de difícil acesso).

Fácil manutenção do revestimento: pelo fato da tubulação ser aérea, a manutenção do revestimento ao longo dos anos pode ser feita sem maiores desgastes operacionais e a custos inferiores.

Mobilidade: a galvanização, nas condições deste projeto, proporciona durabilidade da tubulação por décadas. E na medida em que os acoplamentos são fáceis e ágeis de se instalar, a adutora pode ser removida ou realocada a outras regiões de acordo com necessidades pontuais ou mesmo sazonalidades.

Todas estas especificidades são plenamente contabilizadas no payback do investimento, tornado extremamente vantajoso o uso dos tubos galvanizados em associação aos acoplamentos.

Portanto, este estudo de caso é um bom exemplo de que sistemas emergenciais não necessariamente precisam ter vida útil limitada. Se trabalhados com tecnicidade, coerência e seriedade, soluções definitivas podem, porquê não dizer, salvar vidas e trazer felicidade a povos que hoje sofrem; com custos coesos à realidade do país.


Por: Guilherme Teixeira

Alvenius: Fornecimento AquaMist ULF da Tyco

Alvenius AquaMist

O Brasil vem se conscientizando de que sistemas de combate a incêndio trazem não só segurança à vida e resguardam patrimônios de maneira eficaz, mas, em especial, pode adotar tecnologias que também resultam em otimização operacional dos equipamentos, com a extinção precisa da chama.

Exemplo disso é o recente fornecimento da Alvenius para o Hospital Albert Einstein, que instalou o moderno Sistema AquaMist ULF, da Tyco, na subestação dos geradores do empreendimento. O primeiro sistema bombeado de baixa pressão instalado no país.

Nele, foram entregues, instalados e comissionados os equipamentos AquaMist ULF, em conjunto com os acoplamentos grooved AlvLok nas tubulações ranhuradas.

O que é o AquaMist?

A linha de produtos AquaMist da Tyco inclui soluções Water Mist aprovadas globalmente apoiadas por mais de 100 anos de experiência em proteção contra incêndio.

A névoa de água fina gerada é projetada para extinguir incêndios ou limitar o crescimento de incêndios em um estágio inicial, dependendo do ativo a ser protegido. O AquaMist fornece controle eficaz de resfriamento em incêndios profundos em sólidos, como móveis, papéis e cabos (Classe A).

Em incêndios como lubrificantes ou combustíveis (Classe B) ou óleos de cozinha (Classe F), o AquaMist fornece extinção completa e prevenção de reignição. Em todos os casos, o AquaMist esfria a área ao redor, limitando a propagação do fogo.

Os benefícios do sistema AquaMist incluem uma redução de até cinco vezes na água necessária (quando comparado aos sistemas de sprinklers padrão), ao mesmo tempo em que fornece uma capacidade superior de combate a incêndios em incêndios Classe A, B e F.

Aquamist 02Todas as soluções AquaMist da Tyco e distribuídas pela Alvenius foram testadas pelos mais respeitados órgãos internacionais. A escolha da solução por combate através de névoa de água não é apenas extinguir o fogo, mas também proteger o conteúdo do empreendimento e minimizar os danos causados pela água. Trata-se de otimizar orçamentos, tanto dos projetistas, passando pelos instaladores, até o cliente/usuário final.

 

O Sistema AquaMist na Prática

  • Evaporação (extração de calor) é uma função da área superficial das gotículas.
  • A redução do tamanho das gotículas aumenta a área da superfície.
  • Aumento na área de superfície permite maior efeito de resfriamento para um determinado fluxo.

  • A água converte-se em vapor expandindo-se por um fator de 1650 vezes.
  • O oxigênio é deslocado e diluído, bloqueando-o da fonte de combustível.
  • Maior nível de calor provoca uma vaporização mais rápida.

  • A extinção de incêndios é impulsionada com o contato direto de gotículas de água.
  • Este tipo de extinção é normalmente associado a sprinklers padrão.
  • Parte importante da operação se a ventilação for um fator e combustíveis Classe A estiverem presentes.

  • Gotículas de água tendem a permanecer suspensas.
  • A névoa irá expandir e resfriar os gases e outros combustíveis na área.
  • Bloqueia a transferência de calor para os combustíveis adjacentes.

 
Os benefícios de um sistema WaterMist de baixa pressão incluem:

  • Menores demandas de água, traduzindo-se em menores perdas de pressão, tubos de menor diâmetro e menores custos de instalação quando comparados aos sistemas de sprinklers tradicionais.
  • Como o sistema usa apenas água, sem aditivos, ele não produz impacto ambiental.

 
Outros Benefícios:

  • Tão eficazes quanto as soluções de alta pressão.
  • Menores requisitos elétricos.
  • Inexistência de tubulação de alta pressão e acessórios.
  • Adequado para soluções independentes e instalações com fornecimento limitado de eletricidade.

Acesse aqui o resumo do fornecimento.