Notícias

Certifique-se que sua compra tem as qualificações exigidas (UL e FM)

Já conferiu se o produto que você compra é mesmo listado pela UL e aprovado pela FM?

Infelizmente o mercado tem presenciado sérios acontecimentos de fabricantes e distribuidores que informam ter produtos listados pela UL e aprovados pela FM, porém, na prática, isso não é fato real.

Muitas vezes o diâmetro especificado não tem a chancela qualificadora, ou mesmo o modelo todo em questão não está nos Guias de aprovação dos órgãos competentes. Isso reflete em graves consequências técnicas e legais aos projetistas, instaladores e clientes finais, fora o risco incomensurável do equipamento falhar e resultar em perdas de vidas e patrimônios.

Com o intuito de alertar a comunidade de proteção contra incêndio e orientar para melhores práticas, a Alvenius indica aos compradores de acoplamentos grooved, conexões ranhuradas, válvulas, sprinklers e sistemas de detecção e alarme de incêndio seguir o passo a passo abaixo para pesquisa.

Antes de fechar qualquer pedido de compra com o fornecedor, pesquise no site da UL e da FM se realmente os modelos da marca estão lá. Caso contrário, correrá o risco de adquirir um produto inferior, sem garantias e até mesmo falso.

  1. Pesquisar aprovações FM:
  • Entre no site: https://www.approvalguide.com
  • Crie um login e senha para acesso: processo simples e rápido.

  • No campo de pesquisa, selecione se quer buscar por empresa, por produto ou por texto e digite a palavra-chave.

  • Pronto! Sua busca trará o que de fato é verdadeiro no site oficial da FM. Exemplo abaixo da empresa Alvenius, que tem mais de 500 peças aprovadas pela FM para acoplamentos ranhurados e conexões grooved da marca AlvLok.

 

  1. Pesquisar listas da UL: 
  • Entre no site: https://www.ul.com/
  • No rodapé da Home, selecione o caminho “Online Certifications Directory”

  • Em “Company Name”, selecione “(options)”

  • Digite o nome da empresa que você quer pesquisar e clique em “Search”.

  • Pronto! Sua busca trará o que de fato é verdadeiro no site oficial da UL. Exemplo abaixo da empresa Alvenius, que tem mais de 500 peças listadas pela UL para acoplamentos ranhurados e conexões grooved da marca AlvLok.

São rotinas simples que podem ser decisivas para a escolha de um fornecedor, uma vez que produtos desqualificados comprovadamente oferecem riscos de falha, perdas de vidas e patrimônios

Valores incalculáveis estão em jogo.

Desconfie do preço barato, no final pode sair caro!

Por: Guilherme Teixeira

O que faz um tubo de aço ser confiável?

Tubos Helicoidais

Ao que parece, tubos de aço podem ser considerados simples commodities, porém existe uma série de fatores que podem tornar um produto de qualidade superior, aceitável ou inferior.

Empresas sérias, comprometidas com uma gestão da qualidade e que trabalham de forma íntegra tendem a reduzir a zero problemas relacionados a capacidade de operação das tubulações.

Antes de comprar qualquer tubo de aço, sejam eles tubos helicoidais, tubos longitudinais ou tubos sem costura, recomenda-se fortemente que o cliente analise criteriosamente as seguintes condições para aferir a conformidade da tubulação que adquirirá.

  • Procedimentos precisos: uma empresa com ISO-9001 indica que todos os processos seguem o mesmo padrão, ou seja, há níveis mínimos de erros de produção e sabe-se que a constância e a confiabilidade serão significativamente maiores do que empresas sem tal certificação.
  • Processos qualificados de solda: etapas minuciosamente elaboradas para atender os requisitos das normas de fabricação dos tubos de aço, bem como utilização de insumos, ferramentas, equipamentos e matérias primas de qualidade torna-se essencial. Aliado a soldadores treinados e certificados para que o trabalho seja executado com precisão, garantia e segurança, majorando a perfeição da entrega do produto final.
  • Experiência de mercado: organizações com décadas de sólida presença de mercado indicam que o conhecimento adquirido é satisfatório, mesmo porquê sua permanência por tanto tempo é aprovada pelos clientes através de inúmeros fornecimentos.
  • Rígidos controles de qualidade: testes hidrostáticos, análises metalográficas, inspeções visuais, ensaios destrutivos e não destrutivos, equipe dedicada e engajada demonstram seriedade para fornecer produtos de qualidade genuína.
  • Assessoria pré-venda e pós-venda: profissionais técnicos que acompanham o fornecimento desde o momento do orçamento até a instalação do produto em campo dão segurança de que a entrega não ocorre apenas por uma relação de compra e venda, mas sim com uma aliança colaborativa. Não pode haver a hipótese do cliente ficar desamparado em momento algum.
  • Matéria prima certificada: uma especificação adequada para a aquisição do aço e o uso de matéria prima de qualidade comprovada é primordial para que um tubo de aço seja fabricado adequadamente.
  • Rastreabilidade de produtos: hoje em dia existem métodos que rastreiam toda produção para acompanhamento total, visando prudência e conforto ao cliente. Isso garante que todas as etapas do processo sejam atendidas em conformidade e, caso algo fuja do esperado, saberá de onde veio e sob quais condições para reparo ágil e certeiro.
  • Garantia de espessura: algo de deveria ser prática honesta e indiscutível, infelizmente ainda é duvidosa para alguns fabricantes de tubos de aço carbono. Constantemente são observadas divergências de espessura entre o orçado/comprado vso fabricado/entregue ao cliente.
  • Fábrica limpa e organizada: tal cuidado demonstra preocupação com a ordem, qualidade e bem-estar dos colaboradores, e estas atitudes refletem substancialmente na qualidade final dos tubos de aço.
  • Capacidade fabril: considerar durante a concorrência empresas que possuem uma substancial capacidade fabril tranquiliza o comprador de que seu pedido será entregue no prazo e com a qualidade correta. Fábricas com limitado potencial de produção estão suscetíveis a atrasos devido a imprevistos ou mesmo a prazos impraticáveis.

A Alvenius é pioneira na fabricação de tubos de aço carbono com costura helicoidal no Brasil, considerada sinônimo de categoria, e GARANTE todos estes quesitos!

Antes de fazer qualquer compra, com qualquer fornecedor, exija documentação original de toda cadeia produtiva, visite as instalações do fabricante e converse com as áreas técnicas de cada empresa. Caso contrário, o barato pode sair caro.

Um tubo de má qualidade ou de empresas sem expressão pode:

  • Romper ou Estourar na solda ou na extremidade da união: além do prejuízo com a parada, gera vazamentos, ocasionando desperdiço de fluido e, dependendo da situação, contaminando o ambiente, o que resultará em enormes multas. De acordo com a pressão de trabalho, do fluido utilizado e seu impacto, pode resultar em graves acidentes, havendo perdas de vidas ou danos permanentes a arrimos de família.
  • Estar com uma espessura inferior ao comprado: a diferença entre espessuras é de milímetros, quase imperceptíveis a olho nu, mas a entrega de uma tubulação com espessura menor em relação ao especificado representa toneladas de peso, mudança expressiva da classe de pressão e durabilidade do tubo de aço. Ou seja, fabricantes sem compromisso com o cliente podem burlar e entregar um produto inferior ao que realmente foi comprado. Suspeite de diferenças de preço em grande escala.
  • Não ser entregue no prazo: a capacidade de caixa e de produção de empresas pequenas pode comprometer a entrega final dos tubos, atrasando a obra pela falta de material em campo. Em determinados casos, isso pode acarretar em multas de performance ao cliente.
  • Ou seja, correr estes riscos extremamente altos optando por fornecedores desqualificados é injustificável quando se tem empresas sérias, comprometidas e com uma proposta de valor justa concorrendo no mercado.

Fique tranquilo, escolha pelos tubos helicoidais da Alvenius.

Por: Luís Fernando dos Santos, Felipe Goes e Guilherme Teixeira.

Centro de Serviços Alvenius

Visando aprimorar as atividades nos canteiros de obras, otimizar espaços nos pipeshops, minimizar índices de acidentes/ajustes, preservar o solo e agilizar a montagem das tubulações, a Alvenius apresentou aos instaladores o conceito de “fabrication”, algo difundido massivamente na América do Norte, Europa e Ásia.

Trata-se da pré-produção em fábrica das tubulações para que elas possam ser entregues prontas na obra, possibilitando que os instaladores foquem apenas na montagem dos tubos, posicionando nos locais previamente definidos pelos projetistas.

Tal solução, denominada Centro de Serviços, já provou que gera expressivos resultados também nos empreendimentos nacionais, sendo, inclusive, adotada como novo padrão de operação para relevantes instaladoras brasileiras.

Segundo Guilherme Teixeira, Coordenador de Marketing da Alvenius, o fato da empresa sempre estar próxima de sua cadeia de fornecimento, especialmente aos projetistas e instaladores, permite que a companhia identifique gargalos técnicos/operacionais para buscar o aprimoramento das atividades no mercado.

Diante disso, ao longo de sua trajetória e experiência adquirira em canteiros de obras, observou-se a necessidade de facilitar o trabalho dos instaladores, transferindo o serviço artesanal feito em campo pela industrialização dos processos.

Especificamente em sistemas de combate a incêndio, no geral, são montados pipeshops na obra para preparar as extremidades dos tubos, executar ajustes, aplicar pinturas e até mesmo estocar produtos. Tudo isto gera um maior custo com mão de obra, necessita de espaço (que muitas vezes são escassos) e até mesmo precisa de uma atenção extra com a vigilância sanitária, pois o solo deve ser preservado de componentes agressivos, como tintas, antirespingo de solda, rebarbas etc.

A partir deste cenário, acendeu-se a luz da oportunidade em apresentar uma solução viável economicamente e que, acima de tudo, representasse uma melhoria substancial no trabalho dos instaladores, superando, inclusive, a qualidade do resultado. O Centro de Serviços Alvenius vem superando tais expectativas.

Como o processo demanda uma densa engenharia, a Alvenius introduziu ao seu modelo de trabalho um software específico, chamado SprinkCAD, que colabora na adequação dos projetos, sugerindo soluções e “conversando” diretamente com a produção automatizada das tubulações.

O processo envolvido no Centro de Serviços é simples, contínuo e com margens mínimas de erro, deixando tudo fluir sem percalços.

As peças já vêm etiquetadas de fábrica, deixando apenas a cargo do instalador seguir exatamente o que o projeto diz, associando ao respectivo adesivo: simples, prático, sem erro, rápido e objetivo.

Figura 1: Fluxograma de Processos do Centro de Serviços Alvenius.

Guilherme acrescenta que os objetivos da Alvenius na implementação do Centro de Serviços são:

  • Agregar valor ao portfólio das empresas envolvidas.
  • Industrializar a mão de obra.
  • Reduzir o número de operários em campo.
  • Facilitar a operação do instalador.
  • Minimizar os riscos ambientais no canteiro de obra.
  • Otimizar a cadeia de fornecimento (Engenharia, Fabricação e Instalação).
  • Identificar precisamente a localização dos materiais na instalação.

Tais objetivos resultam nos seguintes benefícios:

  • Agilizar o processo de montagem em campo.
  • Diminuir o espaço necessário na obra.
  • Reduzir o índice de erros em campo.
  • Minimizar a necessidade de locação de equipamentos e insumos.
  • Reduzir o custo final instalado.

Segundo Guilherme, o Centro de Serviços Alvenius, em associação a uma instaladora séria, comprometida e profissional, torna-se uma alternativa palpável ao Brasil, uma vez que números comprovam que as vantagens oferecidas superam toda e qualquer resistência/paradigma que possa existir em se tratando de sistemas tubulares (proteção contra incêndio, ar condicionado e utilidades).

 

Mangueiras Flexíveis para Sprinklers

Imagine que você tenha um empreendimento o qual precisa fazer adequação de layout, gerando remanejamento na posição dos sprinklers. Ou mesmo, imagine um forro com muitas interferências que necessita ser instalado um sistema de sprinklers.

Normalmente isso exigiria muitas horas de trabalho e um alto custo de planejamento e execução, pois sistemas usuais não são flexíveis quando se refere a ajustes.

As Mangueiras Flexíveis para Sprinklers são largamente utilizadas ao redor do mundo em substituição as costumeiras tubulações rígidas roscadas tipo “caneta”.

Pelo fato de serem flexíveis, essas mangueiras para bicos de sprinkler possibilitam movimentações no forro, sem a necessidade de mexer nas tubulações e ramais do sistema de proteção contra incêndio, gerando vantagens tanto na montagem quanto durante a operação do empreendimento.

Guilherme Teixeira, Coordenador de Marketing da Alvenius, salienta que os principais benefícios no uso das mangueiras flexíveis para sprinklers são:

  • Facilita o ajuste no forro;
  • Ajuda em eventuais reconfigurações de layouts;
  • Reduz significativamente a mão de obra;
  • Diminui consideravelmente o prazo de execução da obra;
  • Minimiza potenciais retrabalhos;
  • Facilita o alinhamento dos sprinklers;
  • Supera os padrões der qualidade.

De acordo com a aplicação, as mangueiras podem ser trançadas (braided) ou sem trança (unbraided). Todas elas estão embasadas na NFPA (National Fire Protection Association) e ASTM (American Society for Testing and Methods).

As mangueiras flexíveis para sprinklers, em média, adotam comprimentos que variam de 0,70m até 1,80m, suportam pressão de trabalho de até 200 Psi (13,8 Bar) e tem saídas rosqueadas de ½” e ¾”.

No entanto, Guilherme reforça a importância de se optar por fabricantes que garantem a qualidade do produto por meio de aprovações reconhecidas, e sugere que os clientes busquem empresas que estejam de acordo com a UL e a FM para as mangueiras com trança e UL para as sem trança.

Esta é a solução perfeita para o empreendimento que precisa de agilidade e diversidade na instalação.